Harlem: a vida fica mais fácil quando você não está sozinha

Harlem acompanha a rotina de quatro amigas poderosíssimas

Em 2022, eu perdi algumas horas de alguns dias assistindo And Just Like That, série derivada da minha queridíssima Sex and the City (1998-2004) que ninguém, além da Sarah Jessica Parker, pediu para ser feita. Após assistir, com muita paciência, a primeira temporada, eu estava pronta para vir refletir sobre tudo o que tinha acabado de absorver. Mas me dei conta que estaria perdendo mais tempo falando de algo que não gostei do que vir escrever sobre algo que realmente gostei. Como é o caso de Harlem, série disponível na Prime Vídeo.

Assim como a já citada And Just Like That, Harlem acompanha o dia a dia de quatro amigas, moradoras do bairro homônimo de Nova York, que vivem suas aventuras amorosas e profissionais, sempre dividindo entre elas as peripécias de ser uma jovem adulta negra nos tempos atuais. Premissa simples, mas que rende um bom entretenimento para quem gosta de histórias maduras, bem-humoradas e sem papas nas línguas.

Camille é professora e ativista na série Harlem

Como diria Isabela Boscov: é inovador e revolucionário? Não. Mas durante aquela meia hora, será o melhor momento do seu dia. Com produção executiva que reúne nomes como Amy Phoeler e Pharrell Williams, Harlem não foge do formato de uma série sobre amizades, porque essencialmente, é isso sobre o que ela vai ser. Porém, o que se diferencia são os protagonismos, as pautas, os plot twists, as piadas, enfim, uma série de elementos que não só podem, mas como devem se renovar. Além de claro, ressignificar os papéis atrelados às mulheres negras no audiovisual.

Personalidades distintas, mas complementares

Camille (Meagan Good) é a nossa protagonista e narradora. Professora de antropologia na Universidade de Columbia e ativista nas redes sociais, ela sonha em conquistar postos mais altos dentro da instituição, e para isso, precisa atender às expectativas da nova diretora do seu departamento, a Dr. Elise Pruitt (Whoopi Goldberg). Além disso, ela tenta lidar com a volta do seu ex-namorado Ian (Tyler Lepley), que estava há alguns anos estudando e vivendo no exterior. Sua amiga Tye (Jerrie Johnson) é uma empresária de sucesso. Ela criou um aplicativo de relacionamentos voltado para pessoas não-brancas e LGBTQIA+. Apesar da estabilidade financeira, a jovem tem questões do passado pendentes, mas nada que abale a autoconfiança que demorou para construir em meio às adversidades.

Quinn (Grace Bryers) é a típica patricinha romântica à espera do seu príncipe encantado. Por conta da sua ingenuidade, acaba sempre se metendo em alguma roubada, no entanto, ela não desiste de amar. Ela é a que mais sonha em se encontrar profissionalmente e também nos relacionamentos. Já Angela (Shoniqua Shandai) é a amiga que todo mundo gostaria de ter. Na real, eu gostaria de ser amiga de todas. Mas a cantora é daquelas que não poupam nada. Confiante, segura e impulsiva, ela tem a famosa alma de artista que, por mais que aparenta não levar nada a sério, se mostra a mais fiel às suas convicções artísticas e pessoais. Por isso, não deita para ninguém.

Tye, Angie e Quinn são as melhores amigas de Camille

É essa mistura de personalidades e suas subtramas que torna Harlem uma farofinha gostosa de assistir. Assim como outras produções sobre jovens adultas à procura do que querem para a vida, a série trata de questões universais sobre carreira, cultura, conflitos e, o principal de tudo, descobrimentos. Não tem nada mais animador do que assistir uma história fresca sobre o modo como as coisas estão mudando entre nós, além de propiciar visões e falas sinceras no que diz respeito à relacionamentos, empoderamento feminino negro e debates raciais. Tópicos que naturalmente são abordados na série. 

Por isso, sou muito defensora de Harlem, uma produção carismática, moderna e acima de tudo, divertidíssima, sobre quatro mulheres negras poderosas sem medo do que a vida pode lhe reservar. Afinal, elas sabem que não estão sozinhas.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s