A bagunça do Critics’ Choice Awards 2019

Filme de Alfonso Cuarón foi o grande vencedor da noite

O Critics’ Choice Awards deu uma balançada na lista de premiados em comparação ao Globo de Ouro. Roma foi o grande vencedor da noite com quatro prêmios: Melhor Filme, Melhor Filme Estrangeiro, Melhor Direção e Melhor Fotografia. O longa do mexicano Alfonso Cuarón tem conquistado muitos elogios e fico feliz que uma produção latina tenha tido este reconhecimento dentro de uma cerimônia predominantemente americana.

O improvável da noite, no entanto, foram as categorias que tiveram empate. Como assim vocês resolveram premiar duas pessoas justo este ano? Começando pela televisão onde Amy Adams (Objetos Cortantes) e Patricia Arquette (Escape From Dannemora) levaram o prêmio de Melhor Atriz em Minissérie/Telefilme. Amy não se acanhou e fez o discurso da sua vida no palco. Já considerada a nova “Leonardo DiCaprio” por tantas indicações e raras as consagrações, a atriz finalmente teve seu talento reconhecido. Uma pena que teve que ser divido com outra pessoa.

Já bagunça mesmo aconteceu no cinema com o empate na categoria Melhor Atriz para Glenn Close (A Esposa) e Lady Gaga (Nasce Uma Estrela). Nem vou repetir o que acho da refilmagem do musical, mas esta premiação dupla é desmerecedor para as duas. Parece que os votantes quiseram premiar Glenn por ser a escolha certa, mas também optaram premiar a cantora por sua popularidade com o filme, por serem fãs dela ou por pena mesmo. Enfim…

O Critics’ Choice repetiu a maioria dos ganhadores do Globo de Ouro nas demais categorias. Uma pena que novamente Pantera Negra e Infiltrado na Klan não tenham tido o sucesso que, de fato, merecem. Pantera Negra, no entanto, foi premiado nas categorias técnicas: Melhor Design de Produção, Figurino e Efeitos Visuais. E o filme poderia facilmente ter levado o prêmio de Melhor Elenco sendo que há ótimos nomes e um grupo de personagens consideravelmente mais relevantes do que A Favorita, que foi a vencedora desta categoria.

Confira todos os premiados do Critics’ Choice Awards:

CINEMA

Melhor Filme: Roma
Melhor Diretor: Alfonso Cuarón – Roma
Melhor Ator: Christian Bale – Vice
Melhor Atriz: Glenn Close – A Esposa / Lady Gaga – Nasce uma Estrela
Melhor Ator Coadjuvante: Mahershala Ali – Green Book – O Guia
Melhor Atriz Coadjuvante: Regina King – Se a Rua Beale Falasse
Melhor Talento Jovem: Elsie Fisher – Eighth Grade
Melhor Elenco: A Favorita
Melhor Roteiro Original: First Reformed
Melhor Roteiro Adaptado: Se a Rua Beale Falasse
Melhor Fotografia: Roma
Melhor Design de Produção: Pantera Negra
Melhor Montagem: O Primeiro Homem
Melhor Figurino: Pantera Negra
Melhor Cabelo e Maquiagem: Vice
Melhores Efeitos Visuais: Pantera Negra
Melhor Animação: Homem-Aranha no Aranhaverso
Melhor Filme de Ação: Missão Impossível: Efeito Fallout
Melhor Comédia: Podres de Ricos
Melhor Ator em Filme Comédia: Christian Bale – Vice
Melhor Atriz em Filme de Comédia: Olivia Colman – A Favorita
Melhor Filme de Terror ou Ficção Científica: Um Lugar Silencioso
Melhor Filme de Língua Estrangeira: Roma
Melhor Canção: “Shallow” – Nasce uma Estrela
Melhor Trilha Sonora: O Primeiro Homem

TELEVISÃO

Melhor Drama: The Americans
Melhor Ator em Série Drama: Matthew Rhys – The Americans
Melhor Atriz em Série Drama: Sandra Oh – Killing Eve
Melhor Ator Coadjuvante em Série Drama: Noah Emmerich – The Americans
Melhor Atriz Coadjuvante em Série Drama: Thandie Newton – Westworld
Melhor Série de Comédia: The Marvelous Mrs. Maisel
Melhor Ator em Série de Comédia: Bill Hader – Barry
Melhor Atriz em Série de Comédia: Rachel Brosnahan – The Marvelous Mrs. Maisel
Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia: Henry Winkler – Barry
Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Comédia: Alex Borstein – The Marvelous Mrs. Maisel
Melhor Minissérie: The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story
Melhor Telefilme: Jesus Christ Superstar Live in Concert
Melhor Ator em Minissérie: Darren Criss – The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story
Melhor Atriz em Minissérie/Telefilme: Amy Adams – Sharp Objects / Patricia Arquette – Escape at Dannemora
Melhor Ator Coadjuvante em Minissérie/Telefilme: Ben Whishaw – A Very English Scandal
Melhor Atriz Coadjuvante em Minissérie/Telefilme: Patricia Clarkson – Sharp Objects
Melhor Série Animada: BoJack Horseman

2 comentários

  1. […] Responsável por trazer Freddie Mercury de volta ao nosso imaginário, Malek parece se consagrar ainda mais na temporada por este papel em Bohemian Rhapsody. Não duvidando do talento do ator, mas estas recorrentes premiações exemplificam o quanto uma caracterização e cinebiografias resultam em um caminho mais fácil para levar uma estatueta. Já Green Book – O Guia e A Esposa também são filmes típicos em que os atores indicados saem vencedores, então nenhuma surpresa visto que saíram premiados no último Globo de Ouro e no Critics’ Choice Awards. […]

    Curtir

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s