Porta dos Fundos – Contrato Vitalício

340438.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxxDireção: Ian SBF | Roteiro: Fábio Porchat | Elenco: Gregório Duvivier, Fábio Porchat, Antonio tabet, João Vicente de Castro, Luis Lobianco, Thati Lopes, Marcos Veras e Júlia Rabello | Gênero: Comédia | Nacionalidade: Brasil | Duração: 1h40min

Em um país onde a comédia no cinema acaba sendo uma extensão do que vemos na televisão popular, Porta dos Fundos – Contrato Vitalício chega nas salas como um novo suspiro do gênero. Pra quem estava acostumado com os vídeos curtos e diretos no canal do youtube e curioso pra saber como o grupo se sairia nesta nova plataforma, pode comemorar, pois tudo continua do jeito que gostamos. Com muito sarcasmo, deboche e ideias absurdas rolando na tela, o filme nos faz rir com vontade.

Após ganhar um prêmio importante no Festival de Cannes, Rodrigo (Fábio Porchat) e Miguel (Gregório Duvivier) comemoram enlouquecidamente na after party e criam um contrato firmando o compromisso de trabalharem juntos futuramente. Só que no dia seguinte, Miguel some misteriosamente e Rodrigo parte para o Brasil sem saber o que houve com o amigo. Dez anos mais tarde, com a carreira de ator cheia de glamour e papéis importantes, Rodrigo retorna ao Festival de Cannes para divulgar seu novo filme e quem aparece do mesmo jeito que sumiu? Sim, Miguel surge dizendo que foi abduzido e feito de escravo pelos alienígenas no centro da Terra. Mas a única coisa que ele não esqueceu foi o guardanapo que assinou junto com Rodrigo, em que trabalharia em qualquer novo projeto que amigo lhe convidasse. Agora o aclamado ator terá que arriscar a sua carreira ao estrelar A Batalha de Klinglonfland, filme que reconstitui a trajetória de Miguel nas mãos dos et’s e que não faz sentido algum.

O primeiro longa do Porta dos Fundos não reproduz o que já foi visto na internet e nem dá continuidade a alguma esquete do portal. Porém, carrega o mesmo humor que o tornou tão bem sucedido como é atualmente. Porta dos Fundos – Contrato Vitalício não usa a crítica e nem o julgamento para nos conduzir no meio de tantas pessoas insanas atrás de um like. A história nos faz rir de nós mesmo que convivemos e consumimos estas subcelebridades de aplicativos. Mas isto que o torna tão divertido. Temos consciência de que é a nossa cultura e que nem tão cedo irá mudar. Então, vamos tirar uma foto e rir disso tudo. As piadas são feitas com um milhão de referências, assim como fazem os comediantes americanos. O que torna o filme bem “pop”, que conta ainda com participações certeiras de Marília Gabriela e Xuxa Meneghel.

Fábio Porchat e Gregório Duvivier formam uma ótima dupla que se ama e odeia na tela. Enquanto um tenta ser o racional, o outro apenas enlouquece ainda mais deixando não só o personagem de Porchat nervoso, mas como a gente também. Demais integrantes do Porta dos Fundos participam como Antonio Tabet como o “detetive” psicopata Otacílio, João Vicente de Castro como o cracudo e mendigo do Luciano, Luis Lobianco é o agente, empresário e tudo mais que precisar do Ulisses, Marcos Veras interpreta magnificamente o repórter fofoqueiro e sensacionalista do Lorenzo, mas o destaque fica para Júlia Rabello como a diretora de elenco Denise, que esculacha e arrasa em todos os jeitos possíveis os seus pupilos.

Porta dos Fundos – Contrato Vitalício mostra que a comédia não precisa ser politicamente incorreta (grotesca e preconceituosa) e muito menos com conservadorismo (clichês e lições de moral) seguido de algum final feliz. O filme consegue renovar o gênero da comédia com histórias inverossímeis e que por incrível que pareça, a gente compra e acha normal. Afinal, qual a diferença entre uma história de um brasileiro que lutou contra um alienígena e insira aqui (__) qualquer comédia americana? O grupo não só fez um novo jeito de contar piadas na internet, mas também dá mais graça as nossas palhaçadas de todo dia no cinema.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s