Clube de Compras Dallas (Dallas Buyers Club)

tumblr_inline_mzimvwAaSc1qf2gibEm 1986, o eletricista texano Ron Woodroof é diagnosticado com AIDS e logo começa uma batalha contra a indústria farmacêutica. Procurando tratamentos alternativos, ele passa a contrabandear drogas ilegais do México. Fonte: Adoro Cinema

A atual temporada de filmes tem usado muito histórias reais adaptadas para as telonas. O Clube de Compras Dallas é um mais deles. O filme conta a história do cowboy homofóbico Ron Woodroof (Mathew McConaughey) que vive sua vida loucamente como se não houvesse amanhã. E provavelmente não irá ter.
Após um acidente de trabalho, Woodroof descobre que tem HIV. E naquela época, anos 80, ter HIV era ser alvo certo de muito preconceito. A falta de informação e a fama de que a doença é transmitida apenas entre os gays, faz com que Woodroof tenha que enfrentar essa luta sozinho.Até que conhece o divertido transgênero Rayon (Jared Leto) no hospital onde estão internados. Ambos se juntam nesta batalha ao fundarem o Clube de Compras Dalllas. Onde o objetivo é vender coquetéis de vários remédios contrabandeados de vários lugares para outras pessoas que possuem o vírus da AIDS.

O longa de Jean-Marc Vallée não é tão inovador. Não é diferente do que já vimos em outras produções como Filadélfia (1993), onde baseado em fatos reais, vemos a luta de um portador do HIV/AIDS para se virar numa sociedade preconceituosa e tentar sobreviver através de remédios que não curam, mas também não são o óbito que todos esperam. A história é o famoso homem preconceituoso que descobre que está doente, fica sozinho, tenta sobreviver, encontra seus meios, luta, conquista, perde, até que chega a sua redenção.

O que diferencia esta produção é o grande talento dos dois personagens principais. Jared Leto está incrivelmente lindo em todos os sentidos. O seu papel nos tira de todo o drama que Woodroof carrega. Até sendo seu grande salvador, pois é dele que consegue seus clientes e também se livra de todo aquele receio que tinha com os homossexuais com a amizade que gera com Rayon.

Leto mereceu o Globo de Ouro conquistado no último final de semana como Ator Coadjuvante. Mas ele não é só glamour como seu personagem. Ele também sofre. Seus últimos minutos de vida são agoniantes. Sua grande perda de peso também é algo que nos choca, trazendo todo o realismo possível. Mathew McConaughey é a grande revelação do filme. Acostumados a vê-lo em comédias românticas como galã, aqui ele tem que ficar feio e emagrecer a ponto de lutar para não sair carregado pelo vento. Até a cor da sua pele mostra toda a debilitação que a doença traz. McConaughey toma conta da tela.

O filme é dos dois rapazes que radicaram seus corpos e almas para fazer os papéis de suas vidas. Clube de Compras Dallas não traz nenhuma novidade, mas trouxe dois merecidos Globos de Ouros (e talvez dois Oscars?) para o sempre magnifico Jared Leto e para o surpreendente Mathew McConaughey.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s